Buscar
  • H&M Odontologia

Cuidados no tratamento odontológico de pacientes com diabetes



Pacientes diabéticos requerem cuidados especiais, que vão desde a escolha de um anestésico adequado a cuidados específicos de higiene bucal, por isso é de extrema importância que os pacientes informem o dentista sobre doenças, uso de medicamentos, restrições alimentícias e alergias.

No caso de diabetes, o dentista deve ser notificado quanto à taxa de glicemia e o tratamento somente deve ser iniciado quando o nível de glicose estiver dentro do recomendado. Isso por que, uma doença mal controlada aumenta os riscos de problemas odontológicos, além de dificuldades de cicatrização. Esses pacientes podem ter maior sangramento durante cirurgias, diminuição do fluxo salivar e até mesmo mau hálito ou infecções causadas por fundos e bactérias devido à doença.

Segundo a Sociedade Brasileira de Diabetes, muitos brasileiros não sabem que estão doentes, por isso, é muito importante notificar seu dentista caso possua colesterol alto, pressão alta, síndrome metabólica, síndrome dos ovários policísticos, doença renal crônica, familiar próximo com diabetes e até mesmo apneia do sono.


Na dúvida, informe o profissional sobre quaisquer sintomas anormais na sua rotina antes de iniciar qualquer tratamento odontológico. Especialmente para o Covid-19, os sintomas incluem febre alta, cansaço e/ou dificuldades respiratórias, e é recomendado que o paciente busque ajuda em um posto de saúde mais próximo de sua residência.

Caso ocorra alguma urgência odontológica com um paciente diagnosticado, o mesmo deverá informar a situação a um dentista de confiança para que ele avalie o procedimento mais adequado. Em tempos de pandemia ou não, é bom relembrar que uma higiene bucal correta é a melhor aliada na prevenção de doenças bucais para todos, diabéticos e não diabéticos.

7 visualizações0 comentário

Volte a Home

H&M Odontologia | Todos os direitos reservados.

Site  criado orgulhosamente por Satore Marketing 360º